União Européia quer abolir combustão de carros até 2050

A Europa é o continente mais voltado para o mercado automotivo e é de lá que saem os carros mais poderosos e os motores mais modernos e eficientes, mas ainda assim, a Europa quer mudar seu enfoque. A Comunidade Europeia tem a intenção de abolir os combustíveis fósseis até 2050.

Trata-se de uma proposta criada por Siim Kallas, comissário de Transportes da Comissão Européia – ligado à União Européia. A intenção é reduzir, nos próximos 20 anos, 60% das emissões de CO2 na atmosfera relacionadas ao tráfego de automóveis, ônibus e caminhões, proibindo, inclusive, sua circulação, e substituindo-os aos poucos, por veículos que possuírem tecnologia híbrida. Além disso, serão realizados investimentos no transporte público, assim como incentivo por parte da União Européia ao uso de trens e aviões para pequenos percursos de até 70 km. A estratégia visa, também, reduzir o tráfego de carros a gasolina e a diesel pela metade até 2030, principalmente nas áreas urbanas.

Diante dessa decisão, a indústria automobilística se manifestou contra a medida, a Ford, por exemplo, disse que o investimento em tecnologias híbridas poderia substituir facilmente toda essa transformação no mercado automobilístico em relação à energia elétrica, visto que os motores à combustão estão cada vez mais eficientes, tanto em consumo como em emissões e é bem provável que haja evolução ao longo de 39 anos. A empresa alega ainda, que a Europa possui níveis de gases poluentes principalmente por algumas usinas termoelétricas.

O tema causou muita polêmica nos últimos dias, o que é um grande passo para o impedimento atual em torno deste assunto, mas acredita-se ainda, que esta iniciativa tenha seu lado positivo, onde possa ser usada por outros blocos econômicos, ou então, tomada pelos próprios países.

Fonte: MotorPassion

Sobre DryWash

Rede especializada em produtos e serviços para limpeza e conservação de veículos. Com foco em desenvolvimento sustentável, inovação e qualidade.
Adicionar a favoritos link permanente.